segunda-feira, 7 de julho de 2014

AÇÃO OUSADA: GRUPO EXPLODE DOIS BANCOS E ATIRA CONTRA POLÍCIA NO MUNICÍPIO DE PENAFORTE

As explosões aconteceram nas proximidades do destacamento da Polícia Militar do município.

Na madrugada deste domingo (6), duas agências bancárias foram explodidas e um destacamento da Polícia Militar foi alvo de tiros no município de Penaforte, a 567 km de Fortaleza, na divisa com o estado de Pernambuco. A ação teve início por volta das 2h30, no Banco do Brasil, que fica ao lado do destacamento da Polícia Militar do município, e, em seguida, foi explodida também a agência do Banco Bradesco, no centro da cidade.
De acordo com a Polícia Militar de Penaforte, três carros (um Dublô, um Corsa e uma caminhonete de marca não identificada) e duas motos se aproximaram da agência do Banco do Brasil por volta das 2h30 deste domingo (6) para praticar a ação. Os supeitos instalaram os explosivos e estouraram o caixa eletrônico da unidade, que fica ao lado do prédio do destacamento da Polícia Militar do município. A explosão deixou um buraco no prédio da Polícia.

Depois de explodirem o caixa da agência do Banco do Brasil, os assaltantes efetuaram vários disparos contra o destacamento da Polícia Militar, atingindo uma viatura e o prédio da unidade de segurança. Ninguém ficou ferido.
Em seguida, o grupo se dirigiu à agência do Bradesco, a 100m do destacamento policial, e também explodiu o imóvel em busca do dinheiro do banco. Segundo a população, os dois caixas estavam sem dinheiro e os assaltantes fugiram com as mãos vazias. A PM não confirma a informação e ainda espera por um posicionamento dos bancos sobre a quantia que teria sido levada.

Após o ocorrido, os suspeitos fugiram em direção ao município de Verdejante (PE) e ainda não foram localizados. Equipes de apoio dos municípios de Jati e Brejo Santo se juntaram aos policiais da cidade em busca do grupo.

Segundo um policial que não quis se identificar, essa é a segunda vez que o destacamento é atingido depois de uma explosão de caixa eletrônico em Penaforte. Uma situação parecida aconteceu em outubro do ano passado. Essa foi a 33ª ação criminosa contra bancos registrada no Ceará em 2014. A última aconteceu na  sexta-feira (4) em São Gonçalo do Amarante.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.