quarta-feira, 20 de agosto de 2014

107 açudes do Ceará estão com menos de 30% de água armazenada

açude varzea do boi
volume de armazenamento dos açudes do Ceará está em situação preocupante. Dos 149 reservatórios acompanhados pela Companhia de Gestão de Recursos Hídricos (Cogerh), 107 estão com volume abaixo de 30% e apenas o Açude do Gavião, em Pacatuba, possui armazenamento acima dos 90%.
Também motivo de preocupação, o Açude Castanhão chegou, nesta quarta-feira (20), aos 34,75% do volume de água armazenado. O índice é ainda menor do que o registrado em julho (37%) quando o reservatório atingiu o menor volume de armazenamento em 10 anos
O Castanhão está com 2,3 bilhões de m³ dos 6,7 bilhões de m³ que o reservatório pode armazenar. O açude é responsável pelo abastecimento de água de Fortaleza, Região Metropolitana, Complexo Portuário do Pecém e distritos do Eixão das Águas. 
11 açudes com menos de 1% da capacidade
No Interior do Estado, 11 reservatórios estão com menos de 1% de água armazenada. Conforme os dados, a situação é crítica nos açudes das cidades de Caridade, Irauçuba e Curu que estão com 0% do volume. 
Em Tauá, três açudes se encontram com volume crítico de abastecimento. O Forquilha II tem 0% de volume de água armazenada, o Várzea do Boi está com 0,52% e o Trici com apenas 0,24%. 
Outros 10 açudes estão com volume entre 1 e 2%. Esse é o caso dos reservatórios de Penedo, em Maranguape, com 1,24%, Flor do Campo, em Novo Oriente, com 1,97%, Patos, em Sobral, com 1,72%, Salão, em Canindé, com 1,27%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.