quarta-feira, 20 de agosto de 2014

OPERAÇÃO DA POLICIA FEDERAL EM COMBATE À PORNOGRAFIA INFANTIL FAZ BUSCAS EM CARIDADE E HIDROLÂNDIA

 A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta terça-feira (19), uma operação em combate à difusão de pornografia infantil na internet. A Operação Resgate On-Line esteve cumprindo buscas e apreensões em 14 estados e no Distrito Federal. No Ceará, a ação ocorreu nos municípios de Caridade, a 95km de Fortaleza, e Hidrolândia, a 251km da Capital.
Ao todo, a operação, que contou com 230 agentes federais, fez 42 mandados de busca e apreensão no Pará, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo, além do Distrito Federal.
A PF informou que 11 prisões foram concretizadas, porém nenhuma delas aconteceu no Ceará, sendo 4 em São Paulo, 2 em Minas Gerais, 2 no Paraná, 1 Bahia, 1 no Espírito Santo e 1 no Rio Grande do Sul.
No Interior cearense, a PF abordou duas residências, porém nenhum conteúdo ilícito foi encontrado. O disco rígido (HD) dos computadores das casas foram recolhidos e passarão por investigação na Superintendência Reginal do Ceará, que tem sede em Fortaleza.
A operação, que é fruto do monitoramento que a PF realiza na internet e nas redes sociais desde 2013, busca identificar internautas que armazenem ou troquem imagens pornográficas de crianças e adolescentes.
Com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), os internautas podem ser apenados com reclusão de 3 a 6 anos, no caso da transmissão de pornografia infantil, e de 1 a 4 anos por armazenar tal material. Caso sejam condenados pelos dois crimes, os infratores podem ficar presos de 4 a 10 anos.

Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.