quinta-feira, 13 de novembro de 2014

JOVEM É ENTERRADO AO SOM DO CANTOR PABLO "PORQUE O HOMEM NÃO CHORA" NO INTERIOR DO CEARÁ, CONFIRA O VÍDEO

"Estou indo embora agora, por favor não implora, porque Homem não chora". Foi ao som do cantor baiano Pablo, que um rapaz de 18 anos se despediu deste mundo e foi enterrado na tarde da ultima terça-feira (11), no cemitério municipal de Caririaçu, a 503 km de Fortaleza.
 O cortejo fúnebre ao som da música "Porque homem não chora", fenômeno atual nas rádios, teria sido um dos últimos desejos em vida de Isael Pereira de Freitas. A cena inusitada chamou a atenção de curiosos que chegaram a gravar um vídeo.
 A música era tocada em uma moto-som volante que acompanhava a passagem do caixão pelas principais ruas do município com destino ao cemitério local. 
A funerária responsável pelo cortejo afirmou que homenagens em geral, como a feita para Isael, ficam sob responsabilidade dos familiares e que não interfere na forma como são feitas. 

Reflexo de luto
Embora curiosa, a professora Gisele Sucupira, da Universidade de Fortaleza, pós-graduada em tanatologia (estudo sobre a morte), afirma que a homenagem é uma forma de luto. "Estamos acostumados a ver sofrimento quando falamos de luto. Por isso, quando ouvimos uma música alegre tocando, achamos que a família não está sofrendo. É um engano! A morte de um ente nos causa muita dor. E cumprir um desejo, é uma maneira dolorosa de fechar um ciclo, de reconhecer que está acabando", diz Gisele que complementa: "se não fosse feito, a família provavelmente sofreria pelo arrependimento de não ter realizado o pedido, mesmo sabendo que poderia", salienta. 
Isael Pereira de Freitas foi morto a tiros nas imediações de uma pousada, na manhã da ultima segunda-feira (10) no Centro de Caririaçu. A Polícia investiga o caso.
O Diário do Nordeste tentou entrar em contato com os familiares, mas não obteve sucesso.

Veja o vídeo do cortejo ao som da música:



Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.