quinta-feira, 4 de agosto de 2016

EM SETE MESES, QUEIMADAS AUMENTAM MAIS DE 60% EM TODO O PAÍS

O número de queimadas no Brasil, entre janeiro a agosto deste ano, aumentou 63% no comparativo com o mesmo período do ano passado. É o que aponta um levantamento realizado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em conjunto com outros órgãos. O El Niño é uma das principais causas.

Enquanto que em 2015, no respectivo período, foram registradas 29.701 queimadas, em 2016 esse número saltou para 47.361 focos. A passagem do fenômeno pelo Brasil este ano provocou ondas de calor e baixa umidade do ar. Com isso, houve uma redução significativa na quantidade de chuvas, cenário que favorece a ocorrência de incêndios florestais.

Segundo monitoramento, as regiões mais afetadas este ano foram a Norte e a Centro-oeste. A estiagem característica desses locais foi agravada pelo El Niño, que deixou vários Estados sem uma gota de chuva por dias. Mato Grosso foi o mais afetado deles. Somente este ano, o Estado registrou 10.305 focos de incêndio. Em 2015, esse número era de 6.690, o que representa um aumento de 54%.


Em segundo lugar, fica o Estado do Pará, com 4.395 queimadas até o momento. No ano passado, foram contabilizadas 2.280. Na terceira posição do ranking de mais atingidos aparece o Maranhão. O Estado foi palco de 4.053 focos este ano, contra 3.816 em 2015.

0 comentários:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.