terça-feira, 30 de maio de 2017

Eunício Oliveira recebe homenagem da Fecomércio e reafirma compromisso com pauta de interesse do país

O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), foi agraciado com a Medalha Clóvis Arrais Filho, mais alta comenda outorgada pela Fecomércio-Ce. Em solenidade realizada na noite desta segunda-feira, em Fortaleza, o parlamentar cearense teve reconhecido o seu trabalho em defesa do desenvolvimento do comércio no Ceará, bem como em prol da retomada do crescimento econômico do país e da melhoria da qualidade de vida das pessoas.
Eunício agradeceu reafirmando a disposição de continuar lutando pelos interesses do Ceará: “esta medalha é a confirmação de que meu esforço está no caminho certo. Embora como presidente do Senado e do Congresso Nacional eu seja demandado diuturnamente sobre as grandes questões nacionais, como senador pelo Ceará continuo inteiramente à disposição para defender os interesses de nosso querido estado”.
O presidente do Senado aproveitou a ocasião para fazer uma análise da conjuntura política e econômica brasileira, destacando ser crucial a união de todos para o enfrentamento da crise. Para Eunício, é necessário o esforço em defesa da agenda de interesse nacional, como forma de garantir um amplo debate sobre as reformas que julga necessárias para a garantia dos direitos sociais e da geração de emprego e renda no Brasil.
Eunício citou, como exemplo, as reformas previdenciária e trabalhista, em encontram-se em tramitação no Congresso Nacional, e afirmou que está trabalhando diuturnamente para que o país reduza as taxas de juros. Ele ressaltou, inclusive, a redução da alíquota de juros para empréstimo de recursos do Fundo Constitucional de Desenvolvimento do Nordeste, medida que entende como essencial para alavancada da economia na região.
Ao se despedir, Eunício enalteceu o empenho em colocar na pauta do Congresso Nacional matérias de interesse da sociedade, como a Proposta de Emenda à Constituição que institui o fim do foro privilegiado para autoridades em caso de crimes comuns. Ele pontuou ainda que, mesmo em contraponto ao Governo Federal, vai colocar em pauta veto do presidente Michel Temer à lei que redistribui o Imposto Sobre Serviços (ISS), que impede a redistribuição do imposto entre os entes federativos. Se o veto for derrubado, cerca de R$ 6 bilhões anualmente irão para os cofres dos municípios brasileiros.

Blog Roberto Moreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.