quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Ferreira Aragão defende implantação de novas bases móveis da PM

O deputado Ferreira Aragão (PDT) sugeriu, no primeiro expediente da sessão plenária desta quarta-feira (09/08), a implantação de mais bases móveis da Polícia Militar em Fortaleza.

De acordo com o parlamentar, há algum tempo, moradores dos bairros Papicu e Vincente Pinzón reclamavam de assaltos que aconteciam todos os sábados e domingos. “Ao saber desses assaltos, o secretário (da Segurança) André Costa colocou uma base móvel da Polícia Militar nesses bairros e conseguiu acabar com a incidência de crimes. Bastou a unidade sair de lá que os crimes voltaram. Então já sabemos que a medida funciona, vamos instalar mais e em outros bairros”, defendeu.

Ferreira Aragão parabenizou ainda o governador Camilo Santana por contratar mais mil homens para a PM e pediu que também fizesse o mesmo com a Polícia Civil, pois, na avaliação dele, a segurança só funciona com o trabalho das duas instituições.

Outro tema abordado pelo deputado foi a crise de popularidade da classe política. Para o pedetista, o desencanto da população deveria servir para avaliar melhor os candidatos nas eleições. “O dinheiro que se paga pelo seu voto vai ser cobrado lá na frente tirando seus direitos”, alertou.

O parlamentar solicitou maior divulgação das ações e projetos apresentados na Assembleia para que os políticos atuantes não paguem pelos que não trabalham para a sociedade. “Temos que criar uma agenda positiva divulgando mais o que produzimos aqui para que o povo não perca a confiança na gente”, defendeu.

Em aparte, o deputado Capitão Wagner (PR) elogiou a convocação de candidatos aprovados no concurso da PM pelo Governo do Estado, mas reafirmou a importância da Polícia Civil para ter resultados efetivos. “O governador precisa ter a consciência de investir em inteligência e são os nossos policiais civis que investigarão os casos”, explicou.


* Com AL.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.