segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Poluição mata mais que a guerra e violência, diz pesquisa

Nove milhões de mortes anuais podem ser creditadas à doenças causadas pela contaminação do ar e da água, conforme um estudo americano. A poluição mata mais pessoas por ano do que todas as guerras e violência no mundo, cigarro, desastres naturais, fome, aids e malária. As informações são do Uol.

De acordo com o artigo, que foi publicado na revista científica The Lancet nessa quinta-feira, 19, a poluição do ar matou 6,5 milhões de pessoas, já a poluição da água foi responsável por 1,8 milhão de mortes.

Os números estimados, considerados conservadores pelos autores do trabalho, tem valor 1,5 maior do que a quantidade de pessoas mortas pelo tabagismo e três vezes o número de mortes por aids, tuberculose e malária juntos. A estatística supera em 15 vezes o número de pessoas mortas em guerras ou outras formas de violência.

Conforme o estudo, 92% das mortes relacionadas à poluição se deram em países em desenvolvimento de baixa ou média renda. Na China, 1,8 milhão de mortes prematuras podem ser atribuídas às causas ambientais, o que corresponde a uma em cada cinco mortes. Na Índia esse número é maior. Uma em cada quatro mortes prematuras foram por conta da poluição, o equivalente a 2,5 milhões de pessoas.

A pesquisa é a primeira tentativa de reunir dados sobre doenças e mortes causadas por todos os tipos de poluição combinadas. Para o epidemiologista e autor do trabalho Philip Landrigan, diretor do departamento de Medicina Mount Sinai, em Nova York, a poluição é um grande problema que as pessoas não veem porque estão olhando para as suas componentes espalhadas. Ele diz ainda que, embora existam muitos estudos sobre a poluição, o tema nunca foi alvo da atenção que recebe, por exemplo, a aids ou as alterações climáticas. 

Um dos autores do estudo, o chefe da organização Pure Earth, Richard Fuller, afirma que os Ministros das Finanças ainda seguem o mito de que, se não permitir a indústria poluir, não haverá desenvolvimento, o que ele não considera verdade.


Os Estados com menor renda gastam em média 8,3% de seu Produto Interno Bruto (PIB) para combater os danos causados pela poluição, ao passo que países desenvolvidos desembolsam 4,5%. A economia global gasta 4,6 trilhões de dólares por ano com poluição e as mortes geradas por ela. O valor corresponde a 6,2% da economia global.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os Comentários desse Site são de Total Responsabilidade do Visitante !
Seu comentário precisa ter relação com o assunto da matéria, caso contrario será excluído.